segunda-feira, 4 de maio de 2015

Miss Pensilvânia e candidata a Miss EUA: "Fui concebida por violação"

Valerie Gatto, Miss Pensilvânia e candidata ao concurso de beleza Miss Estados Unidos  da América 2014, revelou que foi concebida num estupro. No entanto, isso não tem prejudicado o seu caminho para o sucesso, pelo contrário, pretende ser uma fonte de inspiração para as pessoas saberem que "não podem deixar as circunstâncias definirem as suas vidas".

Entrevistada recentemente pela Today.com, Valerie, que ficou entre as 20 primeiras colocadas no concurso de beleza, afirmou: "Eu acredito que Deus me colocou aqui por um motivo: para inspirar as pessoas, para encorajá-las, dar-lhes esperança de que tudo é possível e não podes deixar que as circunstâncias definam a tua vida".

"Ser filha de um estupro, não saber quem é o meu pai, não saber se ele alguma vez será encontrado, a maioria das pessoas pensam que é uma situação muito negativa", disse ela.

No entanto, Valerie disse: "Eu cresci com a minha mãe e os meus avós. Eles nunca viram isso como algo negativo. Eu tenho uma família amorosa, que me apoia e me disse que eu poderia ser presidente dos Estados Unidos".

A jovem, que também é consultora de marketing, lembrou que quando era mais jovem e perguntou à sua mãe como ela foi concebida, a mãe lhe disse que "algo de mau me aconteceu. Um homem muito mau feriu-me, mas Deus deu-me um presente, tu".

"Infelizmente, temos que estar alerta para estes crimes", disse Valerie Gatto, que se tem esforçado para compartilhar a sua experiência com diversos grupos de pessoas para ajudar na prevenção contra casos de estupro.

"Espero mostrar a outras como ser pró-activa, o que fazer, estar presente, estar atenta à sua volta,... Eu estou a educar as mulheres sobre um assunto que é muito grave, mas é tão maravilhoso ver as suas respostas. Elas dizem que lhes muda a vida".

Valerie disse que não compartilhou a sua história "por publicidade", e sim que, "estou realmente fazendo isso para mudar o mundo e fazer a diferença."

Numa entrevista anterior, no final de 2013, quando foi recém-coroada Miss Pensilvânia, Valerie lembrou que a sua mãe "sempre me disse que eu era a sua luz", e observou que "a partir do momento da concepção tenho sido essa luz, em meio à escuridão".

in aciprensa


blogger

Sem comentários: