segunda-feira, 21 de setembro de 2015

A vocação de Mateus - Rui Corrêa d'Oliveira

«Jesus viu um homem chamado Mateus,
sentado no posto de cobrança, e disse-lhe:

«Segue-me!» E ele levantou-se e seguiu-O.»


A beleza deste episódio é que não se trata de ficção
Mas da história real de um homem concreto
Frágil como eu, pecador como eu.

A beleza desta história é que se repete no tempo,
Com cada homem e cada mulher que um dia cruzou o seu olhar com o olhar de Jesus.

Porque Ele permanece vivo e verdadeiro, contemporâneo e próximo, olha para mim com o mesmo olhar de bondade e misericórdia que penetrou até ao fundo o coração daquele cobrador de impostos.



E eu bem sei que assim foi. E eu bem sei que assim é!
Posso disfarçar, posso distrair-me, mas não o posso negar.

Afinal a diferença entre mim e S. Mateus
é a radicalidade do seguimento de que ele foi capaz,

jogando toda a sua liberdade, arriscando tudo,

até ao último bater do seu coração.

Eu quero seguir-Te, Senhor,
eu quero ser Teu, como o Teu Apóstolo.

Não Te canses de me desafiar,
não Te canses de me chamar...
até ao meu último instante.

in Bom dia


blogger

Sem comentários: