sábado, 8 de fevereiro de 2014

Palavras e frases em Latim que qualquer homem devia saber

latin1
O que é que grandes homens como Benjamin Franklin, Teddy Roosevelt e Winston Churchill têm em comum?
Todos sabiam Latim.
Desde a Idade Média até metade do século XX, o Latim era uma parte central do currículo escolar de um homem do Ocidente. Juntamente com a lógica e a retórica, a gramática (como era conhecido o Latim) estava incluída no Trivium - a base da edução medieval em artes liberais. Foi do Latim que toda a cultura fluiu e o Latim foi verdadeiramente a porta para a vida intelectual, dado que a maior parte da literatura científica, religiosa, legal e filosófica foi escrita nesta linguagem até o século XVI. Para uma pessoa entrar a sério nos estudos clássicos e humanistas, o Latim era obrigatório.
Durante este período, as escolas de gramática na Europa, e especialmente em Inglaterra, eram escolas de Latim, e a primeira escola secundária fundada na América pelos puritanos foi também uma escola de Latim. Mas, a partir do século XIV, os escritores começaram a usar o vernáculo nas suas obras, que começou lentamente a rachar a importância central do Latim na educação. Esta moda pelo ensino em língua inglesa acelerou no século XIX; as escolas pararam de dar futuros padres para dar homens de negócios licenciados que iriam tomar o seu posto numa economia industrializada. O ênfase nas artes liberais começou a dar lugar ao que era considerado como uma educação prática em leitura, escrita e aritmética.
Enquanto recebia uma morte lenta durante centenas de anos, o Latim continuou a ter uma presença forte nas escolas até meados do século XX. A partir dos anos 60, os alunos universitários exigiram que os currículos fossem mais abertos, inclusivos e menos "euro-centrados". Dentro das mudanças que sugeriam estava a eliminação do Latim como um curso obrigatório para todos os estudantes. Para acabar com os protestos estudantis, as universidades começaram lentamente a deixar de lado a obrigatoriedade do Latim e, como as universidades pararam de exigir Latim, muitos liceus na América pararam também de dar aulas de Latim. Mais ou menos na mesma altura a Igreja Católica reviu a sua liturgia e permitiu aos sacerdotes celebrarem a Missa na língua vernácula em vez do Latim, eliminando assim uma das últimas ligações do público à língua antiga.
Apesar de já não ser obrigatório para um homem saber Latim para avançar na vida, ainda é um óptimo assunto para estudar. Eu tive que ter aulas de latim como parte do meu “major em Letras” na Universidade de Oklahoma e gostei imenso. Mesmo que já estejam bem fora da escola, há uma miríade de razões pelas quais deviam considerar obter, pelo menos, um conhecimento rudimentar desta língua:
Saber Latim pode aumentar o vosso vocabulário de inglês. Apesar de o inglês ser uma língua germânica, o Latim influenciou-a fortemente. A maior parte dos nossos prefixos e algumas das raízes do inglês mais comum vêm do Latim. Segundo certas estimativas, 30% das palavras inglesas vêm desta língua antiga. Ao saber o significado destas palavras latinas, se por acaso encontrarem uma palavra que nunca viram antes, podem tentar adivinhar com algumas bases o que significa. De facto, uns estudos mostraram que os alunos de liceu que estudaram Latim tiveram uma média de 647 no exame verbal de SAT, comparando com a média nacional de 505.
Saber Latim pode melhorar o vosso vocabulário de línguas estrangeiras. Muitas das línguas românicas por aí faladas, como o espanhol, o francês e o italiano vêm do Latim vulgar. Vão-se espantar pelo número de palavras românicas que são praticamente iguais aos seus equivalentes latinos.
Muitos termos legais estão em Latim. Nolo contendere. Mens rea. Caveat emptor. Sabem o que isto significa? Na verdade, são frases comuns em direito. Apesar de terem existido avanços para traduzir a linguagem legal para inglês simples, ainda vão encontrar velhas frases em Latim em contractos legais de vez em quando. Para serem cidadãos e consumidores educados, precisam de saber o que significam essas frases. Se estão a planear estudar direito, recomendo muitíssimo que se ponham a pau no Latim. Vão encontrá-lo a toda a hora, especialmente ao ler casos com leis antigas.
Saber Latim pode dar-vos um olhar mais apurado sobre a história e a literatura. O Latim foi a lingua franca do Ocidente durante mais de mil anos. Consequentemente, grande parte da nossa história, ciência e da melhor literatura foi registada em Latim. Ler estes clássicos na língua original pode dar-vos conhecimentos que, caso contrário, teriam perdido se lessem em inglês.
Mais ainda, os escritores modernos (e por moderno quero dizer início do século XVII) normalmente temperam as suas obras com palavras e frases em Latim sem dar uma tradução, porque esperam (razoavelmente) que o leitor esteja familiar com elas. Isto é verdade para grandes livros de até mesmo há algumas décadas atrás (hoje em dia parece muito menos comum - o que não é um comentário esperançoso no que toca à direcção da literacia do público, penso). O facto de não terem um conhecimento rudimentar de Latim vai fazer com que não percebam a fundo o que o escritor quis passar.
Em baixo têm uma lista de palavras e frases em Latim para ajudar a espicaçar o vosso interesse em aprender esta língua clássica. Esta lista não é de nenhum modo exaustiva. Incluímos algumas das palavras e frases latinas que se vê mais nos dias de hoje, que são uma boa ajuda para saber e aumentar a vossa cultura literária de todos os lados. Incluímos também alguns ditos viris, aforismos e lemas que podem inspirar-vos para algo maior ou lembrar-nos de verdades importantes. Talvez possam encontrar uma frase em Latim que possam adoptar como o vosso lema pessoal. Semper Virilis!

Palavras e Frases em Latim que qualquer homem devia saber

(mais aqui)
a posteriorido último -- saber ou justificação que depende da experiência
ou de evidência empírica
a priorido que vem antes -- saber ou justificação que é independente
da experiência
faber est suae quisque fortunaecada homem é o responsável do seu próprio futuro --
citação de Ápio Cláudio Cego
acta non verbaobras, não palavras
ad hoca isto -- improvisado ou inventado
ad hominemao homem -- ataque pessoal de baixo nível em vez de
de um argumento razoável
ad honorempela honra
in artofmanliness.com

blogger

1 comentário:

Gustavo Bonesso disse...

Tem um app na Apple Store que traz uma frase aleatória em Latim por dia: https://itunes.apple.com/us/app/id1087062335