quinta-feira, 23 de abril de 2015

Por que devem os Sacerdotes seguir o Missal? - Cardeal Ratzinger

Não só jovens padres, mas por vezes também bispos têm a sensação de não serem fiéis ao Concílio se rezam tudo tal como vem no Missal. Deve haver pelo menos uma fórmula «criativa», por mais banal que seja. 

E a saudação «civil» dos presentes, possivelmente também as cordiais saudações à despedida, tornaram-se já partes obrigatórias da acção sagrada a que quase ninguém ousa subtrair-se.

Se o grupo se celebra a si mesmo, celebra na realidade um nada, porque o grupo não é motivo para celebrar. E é por isso que o agir de todos produz aborrecimento: na realidade, nada acontece, se permanece ausente Aquele que todos esperam.

in Liturgia e Música Sacra (Conferência proferida na abertura do VIII Congresso de Música Sacra) - 17/XI/1985
Papa Francisco celebra a Missa ad orientem, orientado para Deus



blogger

Sem comentários: