quarta-feira, 21 de maio de 2014

A política do filho único na China em imagens

Ban Abortion from the Very First Heartbeat

Tens que abortar!
por Steven W. Mosher e Anne Roback Morse

Para pessoas em sociedades democráticas é difícil perceber como é que o partido único da China consegue controlar a fertilidade de milhões de pessoas. O esforço começa com uma quantidade enorme de propaganda anti-filhos nas escolas e locais de trabalho e depois segue para uma intimidação pública em estandartes e slogans colocados em lugares públicos. Aqui ficam algumas imagens do tipo de ameaças públicas que as autoridades fazem contra as mulheres que possam estar grávidas com filhos "ilegais".

If it should be aborted and is not aborted, your house will be destroyed and your cow will be taken.
该流不流扒握牵牛
Tradução: "Se devias ter abortado e não abortaste, a tua casa vai ser destruída e a tua vaca vai ser levada."


Even if you bleed enough to make a river, you must not give birth to an extra child! Hunan Province.
宁可血流成河, 不准超生一个
Tradução: "Mesmo que sangres o suficiente para fazer um rio, não deves dar à luz um filho extra!" Província Hunan.


If you should get sterilized and you don’t, you will be detained and prosecuted. If you should abort and do not abort, your house will be torn down and your cattle will be led away.
该扎不扎, 关人作押, 该流不流, 折房牵牛。
Tradução: "Se devias ser esterilizada e não és, vais ser detida e processada. Se devias abortar e não abortas, a tua casa vai ser deitada a baixo e o teu gado vai ser levado para fora."


Call back those who are located far away, dig out those who are hidden, Those who are pregnant outside the policy absolutely must have labor induced. Those who should be sterilized absolutely must be dragged down.
外出的叫回来, 隐瞒的挖出来 计划外怀孕的坚决引下来 该扎的坚决拿下来
Tradução: "Chamem de volta os que moram longe, procurem os que estão escondidos. As que estão grávidas fora da lei têm que ser induzidas em trabalho de parto. As que devem ser esterilizadas têm que ser definitivamente arrastadas."


If you are supposed to wear an IUD but don't, or are supposed to have your tubes tied but don't, you will be arrested on sight!
该环不环,该扎不扎, 见了就抓.
Tradução: "Se devias usar o DIU e não usas ou se devias ter os vasos atados mas não tens, vais ser presa em público!"

Those of you who don't abort or get sterilized, and are happy to have excess births and pay fines
Tradução: "Aquelas de vocês que não abortam ou não são esterilizadas e estão contentes por pagar nascimentos excessivos e pagam multas. . .[não se percebe a imagem]."

Este tipo de propaganda espetada na cara combinada com tácticas de violência àquelas que resistem, levam a maior parte das mulheres aos calcanhares. Depois ainda há as tácticas de grupos de pressão usadas na província de Liaoning no nordeste da China e noutros sítios. Nestas províncias, os segundos nascimentos são permitidos apenas se não houverem nascimentos ilegais. Se uma só criança ilegal nascer, não são permitidos segundos nascimentos e as mulheres que levam o segundo filhos têm que abortar.
Steven Mosher, que viveu na China durante alguns anos e testemunho abortos forçados, comentou, "É difícil de imaginar a hostilidade intensa, mesmo histeria, que essas tácticas de grupos de pressão geram numa comunidade rural pequena e muito unida em relação a alguém que é acusado de ter quebrado as regras."

Nas ruas ou no trabalho, na televisão ou nos jornais, os chineses são bombardeados com propaganda anti-pessoas. Dia após dia este processo de "suavização" continua de tal modo que quando chega o toque na porta à meia-noite, muitas mães grávidas e os seus maridos nem tentam defender-se.

in Population Research Institute


blogger

4 comentários:

Catarina Poppe Figueiredo disse...

Conheço uma pessoa que foi recentemente à China e ao que parece a proibição de ter mais do que 1 filho já não aplica a todos os casais posteriores a 1988. Não deixa de ser horrível que o seja a todos os outros, nem justifica as frases horríveis de propaganda, mas se isto for verdade já é um avanço... Sabem de alguma coisa ou fui enganada?

Nuno CB disse...

Catarina,

Olá. Não conheço essa tua informação, mas imagino que seja verdade.

De qualquer forma, as imagens dão a entender que são casos do interior - se calhar a lei não tem bem efeito lá, por enquanto.

Se tiveres mais informações diz-nos também!

Pedro Aperta disse...

As noticias mais recentes, indicam que a lei vai mudar, aguardemos pelo que ai vem...


http://www.publico.pt/mundo/noticia/china-poe-fim-a-politica-do-filho-unico-e-acaba-com-a-reeducacao-pelo-trabalho-1617780

http://www.dn.pt/inicio/globo/interior.aspx?content_id=3534811&seccao=%C1sia

Nuno CB disse...

Para completar esta discussão e ver como as coisas continuam na China.

Recentemente um pai de 4 filhos na China suicidou-se por não ter cumprido a política de filho único.

Por ter vários filhos obrigaram-no a pagar como multa umas propinas brutais quando foi inscrever os miúdos na escola.

Incapaz de pagar tal quantidade de dinheiro e não se conformando ao ver que os filhos não iam receber educação, decidiu matar-se.
A lei diz que a viúva tem que então receber como indemnização um valor tal que já permite pagar a escola dos filhos.

A notícia está aqui:
http://www.express.co.uk/news/world/477269/Tragic-truth-of-China-s-one-child-policy-dad-s-sacrifice-to-give-children-an-education